Acessibilidade:

Qual é o papel do gestor escolar na atualidade?

Olá, professor! Ser um gestor é ser capaz de motivar, gerar resultados, construir uma cultura naquele contexto e muito mais. Por isso, o papel do gestor escolar é indispensável para manter um ambiente eficiente e colaborativo.

É sobre esse importante aspecto do contexto escolar que falaremos no artigo de hoje. Boa leitura!

Tipos de liderança dentro do contexto escolar

Dentre os tipos de gestores existentes, há os principais modelos. Isso não significa que você deve se prender apenas a algum dos modelos de gestão aqui citados. Todos eles podem ser usados em momentos diferentes, dependendo da situação que estiver acontecendo. Veja a seguir:

  • Gestores Afetivos: lidam com sua equipe através de elogios e feedbacks positivos;
  • Gestores Coercitivos: eles se atentam aos detalhes e sempre corrigem aquilo que está errado;
  • Gestores Democráticos: ajudam a gerar novas ideias, estimulam a participação da equipe e dão voz a todos os colaboradores;
  • Gestores Modeladores: possuem um padrão alto que buscam seguir e repassam a seus colaboradores, a fim de ser um modelo para eles;
  • Gestores Treinadores: eles estão focados no desenvolvimento pessoal da equipe e possuem um estilo coach;
  • Gestores Visionários: se preocupam com os resultados, deixando o resto da equipe à vontade para escolher os seus próprios meios.

Inteligência emocional e o papel do gestor escolar

Para que o papel do gestor escolar exerça a liderança da melhor maneira possível, há um ingrediente chave: a inteligência emocional. Ela, é claro, vem acompanhada de outras habilidades. Elas são: autoconhecimento, autogestão, consciência social e destreza social.

Inclusive, essas habilidades poderão ressignificar a visão que do papel do gestor escolar. O autoconhecimento e a autogestão, por exemplo, são as capacidades de lidar consigo mesmo. Ao desenvolver essas áreas, ele aprende a lidar com emoções e situações que não estão sob o seu controle.

Por outro lado, a consciência e destreza social o ajudarão a lidar com os outros. Ao saber se comunicar, ouvir e se colocar no lugar do outro, o gestor pode melhorar muito o seu relacionamento com a equipe. Assim, ele criará um ambiente saudável e melhor para se trabalhar e conviver.

O papel do gestor escolar em delegar e o ambiente escolar

Apesar de parecer uma boa coisa, muitos líderes têm dificuldade de delegar. Afinal, eles pensam que se o fizerem perderão seu status, ou mesmo que a outra pessoa não fará tão bem quanto eles. Mas, não é bom para o líder ficar sobrecarregado e deixar sua equipe ociosa. Afinal, essa atitude é maléfica para ambos. 

Ao fazer isso, a equipe se sente desmotivada, pois ela fica ressentida. Assim, os processos não avançam e todo o ambiente escolar fica prejudicado com isso. Também é importante dar feedbacks, para que a equipe possa evoluir e melhorar cada vez mais. 

Vale ressaltar que não são todas as pessoas do ambiente escolar que são líderes. Afinal, o líder é marcado por características que são desenvolvidas ao longo do tempo para o sucesso pessoal e profissional próprio e dos outros.

Portanto, se você deseja aprender mais sobre o processo de Gestão Escolar com Ênfase Pedagógica, temos um curso para você. Trata-se de uma pós-graduação que busca capacitar os profissionais com as habilidades necessárias para uma liderança estratégica e eficaz. Clique aqui e fale com um consultor!

Continue lendo

O Treinamento Correto de Professores para Lidar com Crianças com TDAH

Promover um ensino inclusivo para crianças com TDAH é essencial para o seu desenvolvimento. Afinal, para auxiliá-las a atingir o […]

COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA: MÉTODOS E ESTRATÉGIAS PARA OS SEUS ALUNOS

Olá professor, tudo bem? Você precisa saber mais sobre as estratégias da comunicação alternativa? Em educação especial, a expressão comunicação […]

Como o Psicopedagogo pode intervir na sala de aula e na clínica?

O especialista que atua no campo da psicopedagogia deve estar sempre por dentro das melhores estratégias voltadas ao desenvolvimento de […]