Acessibilidade:

Atividades de estimulação da consciência fonológica

Diante dos desafios da educação infantil, é relevante que o profissional se prepare e se atente em relação às possíveis dificuldades de estimulação da consciência fonológica que porventura, alguns alunos possam apresentar. 

Quer entender mais a fundo essa questão e ainda saber como se preparar para lidar com essa necessidade em sala de aula? Então continue lendo o artigo a seguir!

Investir nas atividades de estimulação da consciência fonológica é fundamental! 

Sendo ela uma habilidade auditiva, definimos a estimulação da consciência fonológica como a capacidade de refletir sobre como a nossa fala é formada. É fundamental investir em atividades que estimulem essa consciência nas crianças, otimizando assim o seu desenvolvimento.

Mas, quais atividades o profissional da educação pode adotar, de maneira estratégica? 

Pois bem, antes de mais nada, é importante ter a compreensão de que a estimulação da consciência fonológica está ligada diretamente às habilidades auditivas.

Como estratégia, é preciso considerarmos trabalhar as habilidades auditivas antes de trabalhar a percepção dos sons da fala.

Dicas de atividades de estimulação da consciência fonológica

Localização e lateralização sonora

Com essa atividade, são executadas ações como tocar instrumentos em diferentes posições, para que a criança identifique de onde vem o som. 

Outra ideia neste sentido é o famoso Gato Mia:

  • Um aluno de olhos vendados anda pela sala;
  • Quando termina a canção ele pergunta: – “QUE

GATINHO É ESSE”? 

  • Um aluno responde: “MIAU”!
  • O aluno de olhos vendados deve encontrar o colega que fez o som;
  • Se acertar escolhe outro para ocupar seu lugar.

Discriminação auditiva

O intuito é trabalhar com sons do ambiente, como por exemplo:

  • Batida na porta;
  • Estalar a língua;
  • Batida do pé;
  • Batida das mãos;
  • Utilizar diferentes materiais (potes de plástico, bowls de inox, colher de pau, espátula de silicone, colher de alumínio, etc.);
  • Dispor os potes no chão com a boca virada para baixo e batucar todos;
  • Depois, com a criança de olho vendados, você batuca e ela precisa descobrir qual foi tocado.

Reconhecimento de padrão auditivo

Outra ideia é o jogo da memória auditiva:

  • Pegue potinhos plásticos com pares de grãos dentro;
  • Faça a criança descobrir os pares de sons iguais.

Atenção: não inicie o trabalho da consciência fonológica ligado diretamente com a escrita!

Considere, a princípio, trabalhar com jogos/brincadeiras lúdicas e com imagens que façam a criança perceber sua fala!, antes de relacionar de forma direta com a escrita.

Para tanto, invista em atividades de estimulação da consciência fonológica, lançando mão, por exemplo, das seguintes sugestões de atividades:

  • PRIPROF-T: Programa de Resposta a Intervenção Fonológica associado à correspondência Grafema-Fonema. Capellini, Cerqueira César e Germano, 2017 EDITORA BOOKTOY. Pode ser aplicada em todos os alunos 1o e/ou 2o ano EF I. 

Algumas alternativas de jogos e brincadeiras são:

Rima

O objetivo é reconhecer rimas nos grupos de figuras.

Cartaz das Rimas

O objetivo é reconhecer rimas nos grupos de figuras.

Jogo da Memória de rimas

Neste jogo, a ideia é discriminar os pares de figuras que rimam ou não.

Utilizar poemas e/ou livros com rimas

Com o intuito de reconhecer, oralmente,pares de palavras que rimam.

Há muitas outras atividades que se pode desenvolver para trabalhar a questão do estímulo da consciência fonológica dos alunos. Se você quer aprender diferentes estratégias e atividades, bem como se preparar para lidar com os diversos desafios que a área educacional apresenta, aproveite a oportunidade de desenvolver todo seu potencial como Professor de Educação Infantil e Alfabetização. O curso de pós-graduação em Educação Infantil, Alfabetização e Letramento – BNCC, traz metodologias práticas e baseadas em evidências científicas, de forma lúdica e prazerosa.

Clique aqui agora mesmo e fale com nosso consultor! 

Continue lendo

DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO NO AUTISMO

ESTRATÉGIAS PARA O DESENVOLVIMENTO DA COMUNICAÇÃO NO AUTISMO Olá professor, tudo bem? Como já sabemos a comunicação em nossa sociedade […]

Férias: por que o cérebro precisa de descanso?

Olá, professor. Chegou o momento que muitos esperam: as férias. É um período precioso, que deve ser aproveitado pelos alunos, […]

20 FORMAS SIMPLES DE TORNAR O SEU FILHO MAIS INTELIGENTE BRINCANDO!

Qual é a melhor forma de estimular a mente do seu pequeno? Bom dia sábado! Hoje é dia de se […]